O que essa tataravó cega de 99 anos disse ao Papa no Peru

O que essa tataravó cega de 99 anos disse ao Papa no Peru
Clique no Botão do Whatsapp e compartilhe com 5 Pessoas

No meio da multidão, ela chamou a atenção com seu cartaz: “Sou Trinidad, completo 99 anos, não enxergo. Quero tocar a sua mãozinha”.

Sempre são muitas as “pequenas histórias pessoais” que pontuam cada visita de um Papa, enchendo de humanidade as suas passagens pelas diversas cidades mundo afora.

No último sábado, 20 de janeiro, quem teve a oportunidade de saudar pessoalmente o Papa Francisco durante a sua estada em Trujillo, norte do Peru, foi a dona Trinidad Peralta.

Ela tem 99 anos, 12 filhos, 38 netos, 35 bisnetos, 8 tataranetos e está cega.

É a própria dona Trinidad quem relata:

“O Papa me viu de longe, segurou a minha mão e me deu a bênção. Ele perguntou de onde eu era e quantos filhos eu tenho. Beijei a mão dele. Tive a sorte de vê-lo de perto. Vai ser um momento que eu nunca vou esquecer no resto da minha vida”.

Francisco estava no papamóvel quando pediu ao motorista para fazer uma parada. É que ele tinha visto um cartaz, segurado por Antonio, um dos filhos de Trinidad, que dizia:

“Meu nome é Trinidad. Completo 99 anos. Não enxergo. Quero tocar a sua mãozinha”.

Rádio RPP

E ali, junto ao cartaz e ao filho, estava a emocionada senhora quase centenária, que viera da cidade de Chiclayo só para ver o Santo Padre.

Dona Trinidad disse ao Papa que reza sempre por ele. O Papa lhe agradeceu com suas palavras, seu carinho, sua bênção e um terço, que lhe deu como presente e, certamente, como mais uma forma de lhe pedir que continue rezando.

 

Clique no Botão do Whatsapp e compartilhe com 5 Pessoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.