Padre é agredido durante assalto

Clique no Botão do Whatsapp e compartilhe com 5 Pessoas

A violência em Conselheiro Lafaiete, na região Central de Minas, chegou até a igreja Bom Pastor, no bairro Santa Matilde. Bandidos entraram na casa paroquial usando uma submetralhadora artesanal, renderam e agrediram o padre com socos e fugiram levando R$ 144 em dinheiro e um celular.

O crime ocorreu por volta das 20h da última quinta-feira, quando o padre Roberto de Carvalho Bruno, 62, já estava repousando. Ele contou à polícia que foi chamado no portão por uma mulher com uma criança no colo.

Ao sair para atendê-la, o padre foi rendido por dois homens armados com uma submetralhadora. Os bandidos entraram na casa paroquial e agrediram Carvalho com um soco no rosto, além de ameaçá-lo de morte. Depois de roubar o dinheiro e o celular, o bando fugiu em um Gol prata.

O padre chamou a polícia e precisou ser levado para uma unidade de saúde por conta da agressão sofrida. Ele teve ferimento no rosto, foi atendido e liberado para repousar em casa. A reportagem tentou localizá-lo, mas não conseguiu contato.

Após o roubo, as polícias Civil e Militar conseguiram localizar uma mulher que confessou participação no crime. Outras três pessoas já foram detidas.

Ao todo, cinco pessoas teriam envolvimento no crime. Uma mulher segue foragida. Foram recuperados dinheiro e celular roubados. Drogas e a arma e o veiculo usados no crime foram apreendidos.

Leia também:
Fim do boato: “grávida” do Padre Reginaldo Manzotti nem sequer existe
Ladrões desistem de assalto ao perceber que ônibus levava romeiros

Via O Tempo
Clique no Botão do Whatsapp e compartilhe com 5 Pessoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.